Registo gratuito!

Página 7 de 7 PrimeiroPrimeiro ... 567
Resultados 61 a 67 de 67
Like Tree105Gostos

Tópico: "No Sonho!" "Trabalho" Contos eróticos e poetices... Por partes!

  1. #61
    Zam
    Zam está offline
    Avatar de Zam
    Registo
    Aug 2005
    Sexo
    Local
    Onde gosto de estar
    Mensagens
    3.602
    Reputação
    24
    Fiquem com esta "Surpresa deliciosa":

    "Um amigo contou-me como me iria fazer uma surpresa, e vou partilhar convosco a sequência em mensagens que fui recebendo (daí o formato de frases curtas e muitos parágrafos):

    Porque não colocar-te confortavelmente algemada apenas com uma camisola e uns calções brancos, sem nada por baixo.

    Os calções de licra que moldam as tuas ancas.

    Não entendes porquê mas coloco-te numa cadeira com rodas.

    'O que me irá fazer?' - pensas!

    Estás bela, como sempre! Deixo-te sozinha e curiosa!

    Volto algum tempo depois e levo-te para um local com tanta humidade no ar que logo notas onde estamos.

    Automaticamente o teu corpo "salta" à vista nas transparências das tuas pequenas roupas.

    O vapor do ar faz correr pequenas gotas de água pelo teu pescoço descendo a tua esfinge.

    Bebo do teu corpo como se fosses uma nascente e tu gemes só de te tocar os lóbulos das orelhas e os lábios com os meus.

    Sim... Queres libertar-te para me agarrar e/ou me abocanhar mas nem me vês apenas me sentes a presença e o cheiro no ar.

    Também havia um jogo de pernas em que tentavas apanhar-me entre as tuas pernas.

    Vou tocando-te por todos os teus poros, com as mãos, com a boca, com o pénis...
    Mas sempre ao de leve...
    Sempre suave para seguir o teu tremor a cada toque.

    Tão bom de ver os teus mamilos a espreitar das tuas auréolas mamárias como se quisesse romper a camisola molhada de água, suor e desejo.

    Continuas irrequieta com as pernas e quase que me apetece prender-te-las. Mas não! Tiro-te a camisola rasgando-a de forma animalesca. E deixo-me apanhar pelas tuas pernas que fixam o meu pénis entre os teus seios.

    Consegues beijar-me a glande. Consegues trincá-la...
    Mas não a consegues chupar: faz parte do jogo!

    Num momento de distracção consigo libertar-me das tuas pernas. E ajoelho-me! Sentes o cheiro no ar mas não imaginas do que será!

    Para evitar acidentes peço para não mexeres as pernas. Quero tirar-te os calções com a boca. Estão húmidos. Molhados do vapor de água e do teu doce mel.

    Deixas as tuas pernas ao meu cuidado e vou segurando os teus calções com os dentes até te os retirar finalmente.

    Coloco os meus lábios nos teus íntimos. Que saborosos!

    Apertas a minha cabeça quando coloco a minha língua dentro de ti. Mais um momento inolvidável na minha memória!

    Queres-me dentro de ti. Eu peço-te calma!

    Torturo-te mais um pouco, o que é também uma tortura para mim. Massajo-te o corpo com um gel comestível à base de chocolate.
    'Ah! Daí vem o cheiro!' - disseste tu.

    Quase uma massagem tântrica. A diferença é que começaste a ter orgasmos quando te tocava ou insistia em certos pontos erógenos do teu corpo.

    Eu estava muito excitado também! Estava quase a ter um orgasmo...

    Mas tinha de aguentar! Tinha tentado mentalizar-me que tinha de fazer esse esforço, apesar de saber que seria muito difícil devido ao desejo que sinto por ti.

    Ao fim de vários orgasmos, disseste que tinha tratado bem de ti e que querias retribuir. Pediste para te tirar a venda e as algemas...

    Concordei numa parte com uma condição: tirava-te as algemas mas não a venda! E tinhas de deixar fazer o que eu quisesse ao teu corpo!!
    Concordaste! Assim foi! Tirei-te as algemas e tu acariciaste-me de imediato!

    Ordenei-te que parasses! Eu é que faria o que eu quisesse do teu corpo e não o contrário. Disse-te isso agarrando-te na cara, espalmando os teus lábios e beijando-te suavemente em seguida. De tanta adrenalina vieste-te uma vez mais. Sem toque! Apenas com o jogo do controlo.

    Desci à tua gruta de prazer e bebi de ti. Querias-me!
    'Deixa-te estar quieta!' - Ordenei-te.

    Peguei em ti ao colo e levantei-te até pousar o teu lindo corpo na banheira, cheia de chocolate líquido, com o belo corpo da Maria lá dentro. Ela aguentou estoicamente a tortura. Todos aguentámos menos tu!
    Saio e deixo-vos a brincar!
    A "Maria" é uma amiga comum, que espero vir a conhecer melhor num futuro próximo!"

    Até para o ano Boas Entradas!
    Última edição de Zam : 31-12-2016 às 08:22

  2. #62
    Avatar de sacp
    Registo
    Dec 2005
    Sexo
    Local
    margem sul
    Idade
    38
    Mensagens
    1.313
    Reputação
    18
    ui ui.. seria uma bela entrada sim senhor, varias vezes
    Zam gosta disto.

  3. #63
    Avatar de AWACS
    Registo
    Aug 2007
    Sexo
    Local
    Zona Centro
    Mensagens
    1.226
    Reputação
    13
    Ke deliriooooooooooo

    have Fun!!

    Boas Entradas
    Zam gosta disto.

    Não deixes para amanha a lambidela que podes oferecer hoje...

  4. #64

    Registo
    Sep 2016
    Sexo
    Mensagens
    112
    Reputação
    1
    Muito bom 😁😁

    Enviado do meu HTC One_M8 através de Tapatalk
    Zam gosta disto.

  5. #65
    Zam
    Zam está offline
    Avatar de Zam
    Registo
    Aug 2005
    Sexo
    Local
    Onde gosto de estar
    Mensagens
    3.602
    Reputação
    24
    "Chegámos perto do meio dia, depois de uma longa viagem.
    Eu e a minha amiga Maria combinámos almoçar com um casal que não ainda conhecíamos pessoalmente.
    Foi um encontro simples... Pensávamos nós.
    Deram-nos a morada para chegarmos ao local onde nos iríamos conhecer.
    Tocámos à campainha e a porta abriu-se. Subimos os poucos degraus algo nervosos, apesar de nada esperarmos de especial. Apenas um fim de semana bem passado.
    Quando chegámos à porta já esta estava aberta. Perguntei se podíamos entrar: não me pareceu normal não estar ninguém à porta. 'Que falta de educação!'
    A menina do casal veio à porta e respondeu que deveríamos entrar, pedindo desculpa por não nos receber mas tinha-se perdido a fazer os últimos preparos. Estava muito bonita: um vestido preto, decotado atrás quase até à cintura, sem sutiã. Sapatos vermelhos de meio salto.
    Chamou o marido e ele apareceu de imediato com copos numa mão e uma garrafa de vinho tinto na outra. Apresentou-se e perguntou porque ainda estávamos à porta. Vestido com um polo verde desportivo de abotoar no colarinho e calças de ganga preta. Sapatilhas verdes.
    Entrámos e vimos a mesa posta. Eu e a Maria entreolhámo-nos, perplexos! Olhámos para o bonito casal e notámos a sua cumplicidade. A troca de olhares entre eles mostraram que estariam a preparar alguma...
    'Se fosse para almoçar em vossa casa tínhamos trazido vinho e uma sobremesa.' - disse eu!
    'Assim não é justo!' - confirmou a Maria.
    O casal disse para não nos preocuparmos e que o almoço era uma forma de agradecimento pelo esforço da nossa viagem.
    Quebrado o gelo da surpresa, cumprimentamo-nos. A Maria estava vestida com uma fina blusa lilás em cima de um sutiã rendado da mesma cor e com calças pretas cintadas. Sapatos rasos pretos.
    Convidaram-nos a sentar e perguntaram se havia alguma comida que não gostássemos de todo.
    'Comemos de tudo!' - respondi eu para não ser indelicado, dada a gentileza.
    Após um momento sentados a menina chegou com pratos na mãos, qual profissional. Gaspacho! Uma sopa fria para contrastar com o calor que se começava a sentir naquela região.
    Não me recordava se a Maria gostava mas confirmei que sim depois dela ter mergulhado várias vezes a colher na sopa. Picante! A Maria disse que não bebia vinho tinto. Foi-lhe perguntado se gostaria de sangria caseira. Os olhos brilharam! Ela adora!
    Começaram as conversas de circunstância e de perguntas e respostas para nos conhecermos melhor. Afinal queríamos aproveitar o mais possível a minha viagem de negócios àquela região.
    Terminava a sopa que puxou pela bebida seguiu-se o prato de peito de peru recheado com cogumelos e pimentos de padrão. 'Uns picam, outros não!'. Não sou muito adepto de sabores fortes mas a Maria parece estar a adorar e a ficar com os calores. Expandidos com a sangria!
    As conversas sobre assuntos quentes começavam!
    Por fim, uma sobremesa de chocolate com pimenta que incendiou os corpos. Estavam duas garrafas de vinho tinto vazias. Dois jarros de sangria foram bebidos. O café final de refeição deu mais energia quando os corpos queriam uma sesta.
    Não sabemos bem como mas de repente a Maria estava a ser beijada e acariciada pela menina do casal. Esta convidou-nos a ir para o quarto.
    Quando chegámos, aquela divisão estava 'artilhada' com dois tripés opostos com câmaras de filmar. Uma televisão gigante ligada a uma das câmaras. E duas máquinas fotográficas pousadas no divã do quarto..."

  6. #66
    Avatar de AWACS
    Registo
    Aug 2007
    Sexo
    Local
    Zona Centro
    Mensagens
    1.226
    Reputação
    13
    Please come in and let's play... eheheh
    sacp gosta disto.

    Não deixes para amanha a lambidela que podes oferecer hoje...

  7. #67
    Zam
    Zam está offline
    Avatar de Zam
    Registo
    Aug 2005
    Sexo
    Local
    Onde gosto de estar
    Mensagens
    3.602
    Reputação
    24
    Citar Mensagem Original de AWACS Ver Mensagem
    Please come in and let's play... eheheh
    Há que estudar todas as possibilidades
    AWACS gosta disto.

Página 7 de 7 PrimeiroPrimeiro ... 567

Tags para este tópico

Bookmarks

Regras

  • Você não Colocar novas mensagens
  • Não pode colocar respostas
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar suas msgs
  •